HomeDecidindoO franqueador me ofereceu uma franquia que outro franqueado não quer mais. Isso é um bom negócio?

O franqueador me ofereceu uma franquia que outro franqueado não quer mais. Isso é um bom negócio?

O franqueador me ofereceu uma franquia que outro franqueado não quer mais. Isso é um bom negócio?

Nem sempre uma franquia que um franqueado não quer mais significa que o negócio não é bom. Essas franquias são chamadas de Franquia de Revenda ou Repasse. É quando um franqueado ou franqueador decidem pela venda de uma determinada unidade em operação a um novo franqueado. Os motivos que levam uma franquia a ser revendida são vários, desde a insatisfação da franqueadora com a performance da loja, até a desistência do franqueado pelo negócio.

Mas você pode se perguntar: por que um franqueado iria querer vender um bom negócio? Na maioria das vezes, ele já não estava mais envolvido na operação, ou porque passou a ter outros negócios, ou simplesmente porque quer se aposentar ou mudar de país. Para o franqueador, quando isso acontece, ele pode optar por recomprar a franquia, tornando-a uma unidade própria, ou revendê-la a um novo franqueado. O importante é que ambos – franqueador e franqueado - estejam de acordo com o repasse e que a franqueadora se encarregue de selecionar e aprovar o novo franqueado.

Nunca compre uma franquia diretamente com o franqueado. É o franqueador quem deve analisar o seu perfil e tomar a frente nas negociações. Lembre-se que, mesmo sendo uma franquia já existente, você terá que pagar a Taxa de Franquia da mesma forma que faria se estivesse comprando uma nova. Peça para o franqueador a análise real da saúde financeira atual do negócio e prepare-se para fazer o que o franqueado antigo não estava fazendo: trabalhar muito para alcançar os mesmos resultados esperados de uma nova franquia, porém, com algumas vantagens: aquela unidade já é conhecida naquela localidade, então os esforços de divulgação de uma nova franquia serão menores. Além disso, os funcionários já estão treinados e operando o negócio. Eles precisarão somente de reciclagens no treinamento e a interação com você, que será o novo dono. Você também já começa com uma carteira de clientes ativa daquela franquia, então basta incrementar as vendas para obter resultados ainda maiores.


A experiência de quem já comprou uma franquia de outro franqueado

Compartilhar:
Sem comentários

Deixe seu comentário